Como cuidar dos olhos com a idade

 
 
Como cuidar dos olhos com a idade

Assim como as demais funções fisiológicas do corpo, a visão também começa a diminuir à medida que envelhecemos. Existem várias situações que aceleram esse processo de deterioração da visão. A visão é um dos sentidos mais importantes no ser humano, sem a visão ficamos limitados sem poder exercer uma série de actividades, por isso quanto antes detectarmos um problema nos nossos olhos, mais rápido podemos encontrar uma solução..

Quais os problemas oculares mais comuns com o envelhecimento?

A maioria dos idosos enfrenta pelo menos uma dessas condições oculares durante a velhice.

Olhos secos:

Condição quando não existem lágrimas em quantidade e qualidade suficiente para manter os olhos lubrificados, pode apenas afetar um olho ou os dois olhos. O tratamento para olhos secos consiste numa prescrição médica, feita pelo oftalmologista de gotas para os olhos e colírios destinados ao tratamento desta condição física.

Glaucoma:

O glaucoma é uma doença grave que surge na sequência do aumento da pressão intra-ocular, consequência da destruição do nervo óptico e pode levar a cegueira total. Para além de alguma deficiência que o olho pode ter como a obstrução do trabéculo ou aumento da produção do aquoso, o Glaucoma é causado também pelo Diabetes, sendo está doença uma das principais causas.

DMRI:

Degeneração macular relacionada com a idade: É uma doença degenerativa que envolve a parte mais central da retina que afecta a mácula responsável pela nossa visão de nitidez. É uma doença ocular comum, sendo considerada uma das principais causas de perda de visão em pessoas com idade superior a 50 anos.

Catarata:

É uma doença que se caracteriza pela perda progressiva da transparência do cristalino, lente natural cuja função é propiciar o foco da visão em diferentes distâncias. O cristalino torna-se opaco com a idade afectando desta forma a visão.

A causa mais frequente de catarata ocular é o processo natural a partir dos 45 anos e o aparecimento de sintomas de hipo visão a partir dos 60 anos. 

Retinopatia Diabética:

Doença evolutiva resultado da diabetes sem tratamento. Altas taxas de glicose durante muitos anos seguidos, fazem com que os vasos sanguíneos da retina deteriorem-se, causando edema; muitas vezes passa despercebida devido à falta de sinais precoces. 

Perda de visão:

A perda da visão na velhice pode ocorrer devido a uma infinidade de problemas de saúde, sendo as mais comuns a degeneração macular , estrutura da retina responsável pela acuidade visual.

As pessoas com mais de 50 anos podem usar lentes de contacto?

Sim, podem. No geral as lentes de contacto podem ser usadas por pessoas de todas as idades, incluindo pessoas idosas, porém somente o oftalmologista poderá responder efectivamente esta questão mediante ao exame clínico que irá identificar quais os problemas de visão o paciente tem e se é possível ou não usar as lentes de contacto em alguns casos. Mesmo que a pessoa tenha os olhos secos, devido aos materiais das lentes de contacto da última geração, e aos diversos tipos de gotas para os olhos existentes no mercado, é possível utilizar lentes de contacto após os 50 anos.

Recomendações para manter a boa visão

• Fazer um exame oftalmológico pelo menos uma vez por ano a partir dos 50 anos.
• Estar atento aos olhos e a quaisquer problemas que possam surgir incluindo dificuldades de leitura, visão embaciada, vermelhidão, dor nos olhos ou inchaço, etc.
• Manter uma dieta equilibrada pode contribuir para combater várias doenças oculares. Inclua em sua alimentação vegetais de folhas verdes, legumes e peixes. Diversos estudos demonstraram que uma dieta rica em ácidos graxos ômega-3 e antioxidantes pode diminuir significativamente catarata e a degeneração macular devido a idade. • O tabaco causa sérios danos a saúde, no que incluem-se os olhos, sendo um factor de risco para degeneração macular, uveíte e catarata, entre outras doenças oculares.
• Proteja seus olhos dos raios UVA e UVB, ao ar livre utilize óculos de sol.
• Praticar exercícios regularmente, ter um bom sono e viver num ambiente livre de estresse são outros aspectos do estilo de vida que devemos tentar seguir para preservar a visão durante a velhice.

Cuide-se. A única pessoa que estará com você durante toda a vida é você mesmo.